terça-feira, 31 de maio de 2016

O HOMEM É INDESCULPÁVEL (Breve pensamento de Karl Barth)




"A ira de Deus não se revela irremediavelmente sobre os homens que estão sob seu julgamento, pois eles podem reconhecer e amar seu Juiz, 'Para que não tenham desculpas' quando não vêem e não ouvem, pois acontece com olhos que podem ver e ouvidos que podem ouvir. Indesculpável é sua impiedade porquanto as obras de Deus, 'sensatamente contempladas", falam do seu Poder Eterno e protestam, de antemão, contra a submissão ao conhecido NÃO DEUS, ao qual o Deus verdadeiro é equiparado pelas forças espirituais, materiais e ouras deste mundo." (Carta aos Romanos. Novo Século, p. 55)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O PÚLPITO PENTECOSTAL (2)

Se por um lado há falta de preparo por parte de muitos pregadores sobre os púlpitos (leia aqui ), de outro há uma tendência em achar que ...