quinta-feira, 25 de junho de 2009

STJ ABSOLVE ACUSADOS DE EXPLOERAÇÃO SEXUAL DE MENORES.



"Na análise de um caso concreto ocorrido no Mato Grosso do Sul, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu manter decisão do Tribunal de Justiça daquele estado (TJMS) e rejeitou acusação de exploração sexual de menores contra dois clientes que contrataram em caráter ocasional serviços de prostitutas adolescentes. Os réus foram condenados apenas por terem fotografado as menores nuas em poses pornográficas. Eles tinham contratado serviços sexuais de três garotas de programa adolescentes em um ponto de ônibus. Elas foram levadas a um motel. Como pagamento, duas delas receberam R$ 80, cada e a terceira recebeu R$ 60. Ao absolver os réus do crime de exploração sexual de menores, o TJMS tinha levado em conta o fato de que as adolescentes já eram "prostitutas reconhecidas". A Quinta Turma do STJ confirmou o entendimento ao apontar que o crime de submeter criança ou adolescente à prostituição não abrange a figura do cliente ocasional. A relação deste não deve, segundo a tese jurídica, ser enquadrada como exploração sexual." Fonte : Jornal dia-a-dia - MS
Em outro veículo de informação:
"Para especialistas em Direito da Criança e do Adolescente, a decisão é perigosa.
- É uma aberração, uma interpretação equivocada e absurda do Estatuto da Criança e do Adolescente. O estatuto é claro ao afirmar que a exploração de menores é crime permanente.
Não importa quem iniciou o processo, mas todos que se utilizam ou participam do esquema têm de ser punidos - afirma Ariel de Castro Alves, do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente.
Para a procuradora Ariadne Cantú Silva, que foi promotora do processo, os tribunais desconsideraram o que as duas menores já tinham sofrido: - As meninas não tinham qualquer domínio de sua liberdade sexual. Não era uma opção.
Elas entraram na prostituição por viverem em situação de risco. A decisão levou em conta apenas um Código Penal ultrapassado.
O juiz estadual absolveu os réus porque, de acordo com ele, "as prostitutas esperam o cliente na rua e já não são mais pessoas que gozam de uma boa imagem perante a sociedade". O magistrado afirmou ainda que a "prostituição é uma profissão tão antiga que é considerada no meio social apenas um desregramento moral, jamais uma ilegalidade penal". O STJ manteve a posição e condenou os acusados apenas por portar material pornográfico. Eles fizeram fotos das meninas nuas. "
PFDC
Não bastasse a banalização do sexo por parte da sociedade que já o considera como algo trivial, como mero instrumento de satisfação pessoal momentânea que não carece de compromisso entre as partes, nem afeto e pior ainda, que colocou o sexo como prática mercadológica para ser comercializado por quem quer que seja, em qualquer lugar, desvirtuando-o do propósito divino que seria o seu desfrutar dentro do casamento, por pessoas que se amam e têm um compromisso com Deus e diante da sociedade, ainda vemos o judiciário do Brasil tomando decisão que favoreça o exercício da exploração sexual adulta e, assustadoramente,também infantil.
A afirmação que "o TJMS tinha levado em conta o fato de que as adolescentes já eram prostitutas reconhecidas " mostra que o judiciário não estaria interessado em resolver o problema da prostituição infantil que é nítida naquele lugar, pois segundo informa-nos o noticiário já eram prostitutas reconhecidas, mas reforçar através de sua decisão o exercício do comércio sexual, uma vez que os clientes poderão usar da desculpa oferecida pelo TJMS para se safarem da acusação de exploração, é ridículo, não só isso, os pedófilos também terão uma "justificativa" para seus atos de crueldade, poderão alegar que o menor já vivenciava tal prática, mesmo não sendo verdade. Sejam conhecidas ou não nos meios da prostituição essas crianças devem ser cuidadas e tiradas dessa vida, se já é de conhecimento comum naquele local o exercício da prostituição por parte de adolescentes, o que impede as autoridades de agir ? O que os impedem punir os responsáveis pela sustentação do esquema, pois como disse o especialista "não importa quem iniciou o processo, mas todos que se utilizam ou participam do esquema têm de ser punidos", sendo assim o Estado também deveria ser punido pois é responsável pela sustentação da prostituição quando se omite ou quando toma atitudes como essa.
De fato o desvio moral da humanidade agrava-se mais e mais, isso se deve ao distanciamento dos padrões estabelecidos por Deus para o relacionamento do homem para com o Criador e para com o próximo; as orientações bíblicas de se amar a Deus sobre todas as coisas e o próximo como a si mesmo se observadas nos livrariam dessas mazelas sociais com implicações não só terrenas mas também eternas. O desvio moral não se encontra tão somente naqueles que fazem do sexo uma prática comercial e banal, mas também naqueles que receberam autoridade para legislar com coerência equilíbrio, para atingirem o objetivo final do Estado Democrático de Direito: o bem comum.
Não devemos nos acostumar com o relativismo instalado em nossos dias, que em detrimento da moralidade e dos padrões necessários para a sociedade toma atitudes alicerçadas no hedonismo.
Há esperança, em Deus, nos padrões estabelecidos por Ele, mas o motivo de tanta desordem é o distanciamento do homem de Seu Senhor.
"Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si;
Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém." (Rm 1.25,25)

AMOR, O DOM SUPREMO - LIÇÃO 13

"AINDA que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.
E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.
E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.
O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.
Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;
Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade;
Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.
O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá;" (I CO 13.1-8)


Links para os subsídios:

Ensino dominical - Isaías de Jesus

EBD WEB - Pr. Kenneth Wieske
EBD WEB - Pb. José Roberto
Blog do Alexandre Malta, "Avalie seu amor baseado em I CO 13.4-7"


"Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros." (Jo 13 : 35)

quarta-feira, 24 de junho de 2009

DIA DE SÃO JOÃO, SANTA REBECA E SANTA RACHEL


Há um ano atrás eu escrevi um artigo acerca do dia 24 de junto, dia tido como de "São João", naquela ocasião eu concordei e ainda concordo que é dia de são João, só que não o da igreja católica, idolatrado e venerado por pessoas enganadas e desprovidas do verdadeiro conhecimento bíblico, mas do santo João que foi santificado pelo sangue de Jesus e comemora nesse dia o nascimento da santa Rebeca. O dia 24 de junho sempre será dia de santo João (Paulo ) se alegrar e comemorar.

Conforme pode ser lido em alguns posts sobre as festas juninas ,Blog do Pr. Altair Germano, Amor e Missões e outros; a festa tem origem pagã e teve início provavelmente no século XII na região da França; no vigésimo quarto dia de junho comemorava-se o dia de são João, adentrando a igreja católica mais tarde e se tornando um evento rentável e de prática entre todos os católicos.
Mas o que quero escrever hoje é que no dia 24 de Junho sempre será dia de São João (Paulo), da minha santa esposa Rachel e de tantos outros santos que receberam a mesma graça que eu, pois foi nesse memorável dia que o Senhor nosso Deus me concedeu o privilégio de ser pai (abaixo a foto da santa Rebeca). A Palavra de Deus nos ensina que os filhos são herança dos pais e eu louvo a Deus por ter alcançado esse favor do Senhor.

Ao contrário do altíssimo custo que se tem para canonizar um "santo" segundo os costumes da Igreja Católica, eu - e todos que aceitam o Evangelho e se esforçam para vive-lo ( Rm 1.6,7;15.25)- recebi a Graça de ser santo por intermédio de nosso Senhor Jesus, não há comprovação de que tenha feito eu algum milagre e nem desejo que me canonizem, mas certo é que todo 24 de Junho será dia de São João Paulo não por causa de algum milagre mas sim por causa do favor que recebeu daquele que mesmo sendo Santo despiu-se de Sua santidade para habitar em meio aos pecadores, para que por sua entrega sacrificial em holocausto em favor dos que pecaram, e que portanto carecem da glória de Deus, tornem-se participantes de Sua Glória.
Não há santos que mereçam receber louvor como comemora-se em meados dos anos através das festa juninas e outras, existem homens que aceitaram o chamado do Senhor e foram por Ele santificados, que estão em processo de santificação para a apresentação perante aquele que nos chamou das trevas para Sua maravilhosa luz, portanto aquele que é santo santifique-se mais e, aqueles que ainda não são podem sê-lo, basta aceitar o chamado do Pai, basta separar-se para o Senhor pois esse é o significado da palavra santo, separados, separados para o Senhor, membros de uma sociedade corrompida mas não corrompidos, viventes de um período que se não tem temor a Deus mas tementes em todo tempo ao Senhor.
Que ao Senhor nosso Deus, o Senhor Jesus, seja a honra a glória e gratidão por essa dádiva vinda do Pai das luzes, o único Santo do qual necessitamos para que possamos imitá-lo, sermos santos pois Ele o é.


"Com efeito,nos convinha um sumo sacerdote como este, Santo, inculpável, sem mácula, separado dos pecadores e feito mais alto do que os céus."Hb 7.25


Graças a Deus pelo dia 24, dia de São João Paulo, de Santa Rachel e de Santa Rebeca. Que todos os outros santos se alegrem conosco.

terça-feira, 23 de junho de 2009

A PREGAÇÃO CONTEMPORÂNEA - DEBATE ENTRE BLOGUEIROS



O tão importante tema, pregação, ocupou esta edição do debate entre blogueiros onde estiveram presentes eu, o Gutierres Siqueira do Blog Teologia Pentecostal e o Victor Leonardo do blog Geração que Lamba.

Infelizmente a pregação em nossos dias tem se tornado algo distante dos padrões bíblicos, isso traz prejuízo à qualidade dos atuais cristãos e impede que vidas sejam alcançadas por Jesus, além de desfigurar a verdadeira face do Evangelho da Cruz.
Ouça, reflita à luz da Bíblia e comente.

Ouça o debate ou faça o download aqui.

domingo, 21 de junho de 2009

SARNEY, LULA E MINC APOLOGISTA DA MACONHA



Esse vídeo conseguiu reunir o inocente do Sarney que não deve ser julgado por seus erros só porque está há muito tempo na política e é um homem público, o Lula que defende o Sarney, pois o homem que criou raízes no senário político brasileiro não é qualquer um e o "nobre" ministro do meio ambiente falando abertamente: "eu sou a favor da legalizão do uso da maconha, assim como FHC, assim como o fulano e como o beltrano".
É, além da crise que temos no meio evangélico, entre pessoas que veem o Evangelho como negócio e outros que não hesitam em serem negociados, agora (agora ?) temos homens públicos "inocentes" sendo acusados injustamente por coisas que não são culpados, e ainda o apologista da maconha, que deveria cuidar de outro verde que não é a canabis falando "pelos cotovelos" pedindo a liberação da droga que certamente faria o povo brasileiro mais escravo do medo, mais refém das drogas, com mais famílias destruídas pelo vício, mais hospitais lotados e tantos outras mazelas que nos seriam acrescentadas se a voz do Minc for ouvida.
Ah Senhor! Nós clamamos, apressa-te em nos buscar.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

MÚSICA EVANGÉLICA - DEBATE ENTRE BLOGUEIROS



O tema do último debate realizado pelos três blogueiros da foto, Gutierres Siqueira, eu -João Paulo e Victor Leonardo, falou sobre a música e o cristão, mais precisamente sobre a música dita evangélica que é conhecida e difundida dentro das denominações cristãs no Brasil. Ouça, deixe seu comentário, faça sua crítica.

Confira o áudio no site Teologia Pentecostal , ou ainda façam o download aqui.

AJUDA AOS NECESSITADOS - LIÇÃO (12)

Será que a igreja têm desempenhado seu papel no campo social? Penso que muitas denominações têm se empenhado em trabalhos formidáveis que refletem o amor de Cristo, mas a maioria dos cristãos não observa a necessidade da ajuda aos necessitados e não veem tão importante tema como fundamental para a fé cristã. Por isso esta lição irá


CPAD
Ensino Dominical - José Roberto
EBD WEB - Ev Luiz Henrique
EBD WEB - Pr Jurandir
EBD WEB - Eduardo Souza
EBD WEB - Pr Geraldo Carneiro Filho
Rede Brasil de Comunicação


quarta-feira, 10 de junho de 2009

A RESSURREIÇÃO DE CRISTO - LIÇÃO (11)


A ressurreição de Cristo é uma doutrina fundamental do Cristianismo, sem a qual é infundada a nossa fé e o propósito da verdades contidas na Palavra de Deus. Espero postar um subisídio com bases nos argumentos apologéticos para defesa dessa doutrina bíblica, até amanhã o farei.

Leia o artigo que escrevi sobre a questão, numa visão apologética da ressurreição de Jesus, Blog do JP

Ensino Dominical - José Roberto

CPAD

EBD WEB - Pr. Jurandir

EBD WEB - EV Isaías de Jesus

Rede Brasil de Comunicações

TWITTER PODE SER "CULPADO" POR ASSALTO.

Bem, sabemos que a internet e os inúmeros recursos que nos disponibiliza são úteis e necessários para a sociedade atual, contudo temos que saber usá-los para nosso benefício e não o contrário, faltas de cuidado com certos pormenores podem ocasionar problemas como o citado no artigo abaixo, da revista Veja. Não só do caso do Twitter pode ocorrer situações como essa, há também o caso do orkut onde detalhes demais podem comprometer o usuário e sua familia.
Portanto, cuidado, sejamos prudentes, o problema não está nas ferramentas, mas em seu mal uso.




"Um americano que teve sua casa assaltada no Arizona encontrou no Twitter a explicação para a invasão. Israel Hyman, cujo perfil no site de microblogging é @Izzyvideo, acredita que mensagens publicadas no Twitter enquanto estava viajando deram dicas aos ladrões. O episódio traz à tona a questão de segurança e privacidade de dados publicados em perfis sociais.
Hyman, que dirige uma produtora de vídeos, decidiu visitar parentes no Kansas com sua mulher. No dia 15 de maio, ele anunciou a viagem "dentro de duas semanas". Durante o percurso, chegou a postar uma mensagem dizendo que ainda tinha "10 horas de estrada pela frente", até revelar aos seus 2.000 seguidores :"Finalmente chegamos no Kansas".
Quando ele voltou, descobriu que haviam roubado sua casa, que tinha equipamentos de vídeo no valor de milhares de dólares. "Minha mulher acha que pode ter sido um acaso, mas eu tenho minhas suspeitas", disse Hyman, segundo a agência de notícias Associated Press. Apenas os equipamentos de edição de vídeo foram levados
."

terça-feira, 9 de junho de 2009

A TELEVISÃO E OS EVANGÉLICOS - DEBATE ENTRE BLOGUEIROS

Continuando a série debate entre blogueiros agora foi a vez de falarmos sobre o relacionamento entre os evangélicos e a mídia televisiva no Brasil. De que forma os evangélicos veem a televisão hoje? Como eles têm usado o espaço que ocupam na TV para o progresso do Reino de Deus? Ouça e deixe sua opinião sobre esse e outros pontos.

Confira o debate acessando o blog Geração que Lamba.

Veja ainda o post relacionado à mídia e os evangélicos: "Nossa mídia e o cristianismo"

sexta-feira, 5 de junho de 2009

EM MEIO À TEMPESTADE ELE DIZ: SOSSEGAI

Não é raro ouvirmos no meio cristão que pessoas estão passando pela tempestade, associar o mar bravio às nossas dificuldades da vida é coisa comum em nosso meio, podemos pensar que estamos no mar, que suas ondas às vezes querem nos fazer naufragar, assim como aconteceu com os discípulos no relato de Mateus 8.23-27. Tempestades são comuns para quem navega, um dia ou outro elas alcançam os que estão no mar, e, se entendemos mar (tipologicamente) como o trancurso da vida é fato que teremos que passar por tempestades e provavelmente não uma única vez. Mas cristãos passando por tempestades? Bom, não é isso que muitos proclamam por aí, oferecem uma fé e um Deus que soluciona todos os problemas presentes e acabou, nada mais de apertos. Será que realmente é assim?Vejamos o exemplo registrado por Mateus:
No versículo 23 de Mateus 8 o texto diz: "e entrando Ele (Jesus) no barco, seus discípulos O seguiam"; os discípulos seguiam Jesus, estavam fazendo exatamente o que devemos fazer, e Jesus os fez entrar em um barco, até aí nada demais. Mas no versículo seguinte o texto diz que uma grande tempestade se levantou e dava contra o barco, grande a ponto de causar pavor em homens acostumados a lidar com o mar; mas, tempestade com Jesus no barco?Onde estava Jesus? Mateus diz que ele estava dormindo; o barco quase se desfazendo com ondas bravias e Jesus dormindo, até parece impossível alguém dormir em meio à tempestade; a questão é que para Ele não há tempestade, não há mar revolto, não há tisunami, não há problemas para aquele que tudo fez, que estava presente na criação de todas as coisas e que tem todo o poder no céu e na terra.O problema do medo em meio à tempestade é para pessoas limitadas como nós, para quem falta fé, para quem necessita mais confiar no Senhor independente das circunstâncias.Quantas vezes não nos vemos como os discípulos, em meio a ondas que parecem que nos vão fazer naufragar e simplesmente o Mestre parece estar dormindo, não nos responde, parece estar distante. Mas não é verdade,Ele está bem próximo, está no barco, se estamos seguindo-o e nos sobreveio tempestade tudo está sob Seu controle, ainda que não pareça. Como nos desesperamos diante das dificuldades! Como nos falta fé ante os imprevistos da vida! Na hora certa Ele se levanta, se mostra soberano sobre as circunstâncias que nos assustam e tão somente diz para que tudo se acalme, pois não é Sua vontade que pereçamos, antes, que vivamos nEle e para Ele. Ainda que vejamos tudo em meio ao caos, se entramos no barco por causa dEle podemos descansar pois Ele vai fazer a tempestade se calar.Tais águas não podem a nau tragar, que leva o Senhor Rei do céu e mar, todos ouvem o Seu mandar: sossegai, sossegai.

Cante:
Oh, Mestre, o mar se revolta,
As ondas nos dão pavor!
Os céus se reveste de trevas,
Não temos um Salvador!
Não se te dá que morramos,
Podes assim dormir,
Se a cada momento nos vemos,
Sim, preste a submergir!
Refrão:
As ondas atendem ao meu mandar
Sossegai! Sossegai!S
Seja o encapelado mar,
A ira dos homens, o gênio do Mal,
Tais águas não podem a nau tragar,
Que leva o Senhor,
o Rei do Céu e Mar!
Pois todos ouvem o seu mandar,
Sossegai! Sossegai!
Convosco estou para vos salvar,
Sossegai! Sossegai!
Mestre, na minha tristeza
Estou quase a sucumbir:
A dor que perturba minha alma,
Oh! Peço-te, vem banir!
De ondas do mal que me encobrem,
Quem me fará sair?
Pereço, sem ti, oh! meu Mestre!
Vem logo, vem me acudir!
Mestre! Chegou a bonança!
Em paz eis o Céu e o Mar,
O meu coração goza a calma,
Que não poderá findar
Fica comigo, meu Mestre,
Dono da terra e Céu,
E assim chegarei bem seguro,
Ao porto, destino meu!!
Ouça aqui o áudio da canção.
* O vídeo e a letra é de uma canção composta não para vender, ganhar discos de platina, ouro e outras premiações, foi composta apenas apra adorar a Deus, para comunicar uma mensagem divina, por isso ma atrai.

quinta-feira, 4 de junho de 2009

OS DONS ESPIRITUAIS - LIÇÃO (10)

A lição do próximo domingo, "Os Dons Espirituais", é importantíssima para o corpo de Cristo. Sabe-se que a atualidade dos dons é defendida por nós pentecostais como atual e para nossos dias, mas há aqueles que defendem que seu exercício fora só para os dias apóstolicos. Veremos nessa lição que todos os dons do Espírito são, com certeza, para nos nossos dias, e eles têm sido manifestos através dos servos do Senhor conforme concede o Senhor aos seus.

CPAD

Pastor Altair Germano

Ensino Dominical - José Roberto

EBD WEB - Pastor Jurandir

EBD WEB - Pr Adilson Guilherme

EBD WEB - Ev Luiz Henrique

EBD WEB - Eduardo Souza

EBD WEB - Pr Geraldo Carneiro

Rede Brasil de Comunicações

Ouça ou faça do Download da edição do Debate entre Blogueiros que abordou o tema, aqui.

Leia também o excelente artigo do Pr Antônio Mesquita sobre a atualidade dos dons espirituais.


Abraço a todos.

terça-feira, 2 de junho de 2009

USOS E COSTUMES- DEBATE ENTRE BLOGUEIROS


Está aqui a segunda edição do debate entre blogueiros; a primeira edição sobre "Dons Espirituais" está no blog Teologia Pentecostal, aqui.
Nesta edição conversamos sobre o tema "Usos e Costumes"; procuramos abordar o assunto de forma a levar os ouvintes à reflexão sobre o tema, não para causar revolta em alguns, ódio em outros, mas para que apenas venhamos a rever nossos conceitos sobre a questão.

Participaram do debate o irmão Gutierres Siqueira do Blog Teologia Pentecostal, o irmão Victor Leonardo do Blog Geração que Lamba, o irmão Oséias Vieira do Blog Geografia Bíblica e Geral e eu, João Paulo, como mediador.
Esperamos que ouçam todo o debate aqui ou ainda façam o download no link que está logo abaixo do player.
Você tem todo o direito de comentar, quer sua opinão seja contra ou a favor das colocações dos debatedores.






Download

SÃO SINCERAS AS DÚVIDAS?


Você já foi aurguido por algum crente acerca dos fundamentos bíblicos para o exercício da entrega do dízimo? Já fizeram questionamentos a você sobre a inerrância da Bíblia, sobre a veracidade ou não das histórias ali narradas? Sobre o que pode e não pode, isso inclui sexo, bebinas, fumo e tantas outras coisas.
Se não, a mim fizeram, não só essas duas perguntas, mas um amontoados de questões outras.
E a "preocupação" das pessoas que se prendem a essas questões me deixa incomodado e leva-me a pensar em alguns pontos:

1. Será que a preocupação de tais pessoas está em buscar de fato a vontade do Senhor ou satisfazerem seus desejos?Tal preocupação é zelo pela obra do Senhor ou falta de entendimento quanto ao que é, de fato, a obra do SENHOR?

2. Ao falarem de assuntos como os citados acima estes crentes gostam de citar a igreja primitiva como exemplo, dizem: na igreja primitviva não era assim, era deste modo. Então o modelo que querem adotar é a igreja primitiva? Então adotemos num todo e vejamos se teremos tempo para nos ocuparmos tão "relevantes" indagações.

2.1 Como se portavam em relação à doutrina bíblica? (Atos 2)
O versículo 42 diz que perseveram na doutrina dos apóstolos. Não ficavam enlaçados em vãs filosofias? Em genealogias intermináveis? Em discussões sem fim? Não!
Sigam esse exemplo.
2.2 Em relação á comunhão?
Perseveravam também nela (v42, 44).
Não congrevam em casa via internet? Não!
Não exerciam a comunhão indo cada dia em uma igreja sem serem ligados a uma denominação e exercendo o trabalho em uma comunidade cristã? Não, eles estavam juntos diariamente, eram unânimes no propósito de buscar o Reino do Senhor em primeiro lugar e não de dividir uma comunidade cristã.


2.3 E o temor do Senhor? (v 43)
Os cristãos primitivos eram tementes a Deus, o valorizavam e amavam sua presença. Quem busca o limite entre o bem e o mal teme a Deus ou quer apenas saber até onde pode ir? Um verdadeiro cristão não busca o limite, busca estar o mais longe possível do pecado, do erro, e o mais próximo que puder de Cristo.


2.4 Em Atos 2.45 está escrito o seguinte: " E vendiam suas propriedades e bens, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister."
Como a igreja no seu início se portava em relaçaõ ao acúmulo de bens em face da necessidade de outros irmãos?
Não viviam se matando em busca de dinheiro e posições? Não!
Não se matavam de estudar em busca de um emprego que pagasse um bom salário para só no futuro se dedicarem a Deus? Não! O serviam diariamente com fervor.
Querem copiar o exemplo?


Os exemplos da igreja cristã são vários, bons exemplos que se seguidos pelos questionadores de tudo, não lhe dariam tempo de tanto questionar.
Querem questionar conceitos à luz do exemplo dos primeiros cristãos? Então é bom deixarem suas vontades e entregarem-se de todo a Cristo, há carência de missionários, de bons ensinadores, de intercessores; façam o que eles faziam, orem até que Deus se manifeste do céu como no dia de pentecostes, doem a vida pela causa de Cristo.
Esses são só questionamentos quanto às muitas dúvidas de pessoas que não são sinceras quanto ao propósito da fundação da Igreja pelo Senhor Jesus.

Não questiono a necessidade de ensino sobre alguns temas inquietantas que algumas pessoas, cheias de desejo de verdadeiramente aprender mais do SENHOR, têm ;essas necessitam e devem receber, com amor, orientação em Cristo, e é certo que após esclarecidas continuaram a se ocupar daquilo é mister no Reino do SENHOR.

O PÚLPITO PENTECOSTAL (2)

Se por um lado há falta de preparo por parte de muitos pregadores sobre os púlpitos (leia aqui ), de outro há uma tendência em achar que ...