sexta-feira, 18 de setembro de 2009

A LIBERDADE NO IRÃ E NOSSA LIBERDADE.

imagem: cacp

da Folha Online

"O clérigo Ahmed Khatami disse nesta sexta-feira, em um sermão transmitido pela TV, que os líderes dos protestos que geram caos político no país há quase duas semanas serão punidos com rigor e que alguns são "passíveis de execução", de acordo com tradução da agência de notícias Associated Press.
Conforme a agência Reuters, o que o clérigo disse foi que os manifestantes são "mohareb", pessoas que entram em guerra a Deus, e que devem ser punidos "com rigor e selvageria". Pela lei islâmica, a punição para os "mohareb" é a execução.
Raheb Homavandi/Reuters

O clérigo iraniano Ahmed Khatami reza diante de fiéis em Teerã após pedir "punição severa"
"Qualquer um que luta contra o sistema islâmico ou o líder da sociedade islâmica o fazem até a destruição completa", disse o clérigo Khatami, em discurso pronunciado na Universidade de Teerã. "Pedimos que o Judiciário confronte os líderes dos protestos, das violações, e aqueles que apoiam os Estados Unidos e Israel fortemente e, sem piedade, dê uma lição a todos."
O clérigo, além de acusar os manifestantes de estarem em "guerra com Deus", também criticou a mídia estrangeira de divulgar falsas notícias, principalmente a britânica BBC. "Em sua inquietação, os britânicos têm se comportado de forma obscura e é certo acrescentar o slogan "abaixo o Reino Unido' ao slogan "abaixo os EUA'", disse o clérigo que, na sequência, foi interrompido pela plateia, que gritava "morte a Israel".



É triste ver que existem seres humanos submetidos a um governo como esse, proibidos de manifestações pacíficas, proibidos de proclamarem outra religião e tantas outras liberdades que que são tolhidas por um regime que se diz da parte de Deus.
Qual Deus? Se o Islã e o Cristianismo servem a Deus qual o motivo de não poderem coexistir naquele lugar ? Um dos dois está sendo liderado por alguém que não é o Deus verdadeiro.
O verdadeiro Deus é amoroso e após ter mostrado seu imenso amor em Cristo Jesus não estaria por trás de um regime que mata pessoas por manifestarem suas opiniões e discordarem daquilo que é da parte dEle. Ateus, céticos, adpetos de seitas por todas as partes manifestam seu repúdio a Deus e Ele não as fulmina, por que? Porque eles têm liberdade de fazê-lo, Deus nos fez livres, livres para pensar, para falar, para dar ouvidos ou não à sua voz que se manifesta através das coisas criadas, de Sua Palavra do testemunho no interior de cada homem.

A punição severa que Deus imputará a alguém é a separação eterna do Criador, no inferno não haverá possibilidade de salvação, e não pensem que é ficção ou alegoria bíblica, há passagens e textos em abundância que mostram a realidade do lugar de tormento onde haverá choro e ranger de dentes, lá sim receberão punição aqueles que desprezaram a salvação oferecida por Ele em Cristo, isso é ser justo, pois todos nós temos a oportunidade de decidir entre servir a Cristo ou não servir. E quanto àqueles que não ouviram falar do Seu nome? Deus é justo, Ele é justiça, não tomará por culpado o inocente, a salvação pertence a Ele, o que nós devemos meditar é naquilo que Ele nos cobrará, pois estamos em um país onde todos têm liberdade, que em muitos já é libertinagem, para decidir que caminho seguir, mas lembre-se: um dia daremos conta de nossos atos, e não seremos tido como ignorantes quanto ao conhecimento de Deus.

Quem pensa que é livre e vive distante do Criador na verdade é escravo de seus desejos, suas necessidades carnais, seu ego. Só em Cristo há verdadeira liberdade, pois Ele é a Verdade e fora da verdade não há libertação.

Se o Irã impõe limites à liberdade do seu povo, um regime que reflete um deus distante de Cristo e ainda alegra-se com o ideal de por fim à nação de Israel certamete o Islã não é o caminho proposto para chegar-se a Deus. Os cristãos ao longo dos tempos têm aceitado debater abertamente com qualquer religião, e mesmo o homem sendo tão limitado ele tem conseguido obter respostas para os pontos difíceis que cercam nossa mente e mostrado que Cristo é realmente o filho de Deus e que sua mensagem é verdadeira. Se Cristo ressucitou dentre os mortos é filho de Deus, consequentemente não pode mentir e todas Suas Palavras são verdadeiras e vão se cumprir, e Ele disse que fora dele não outra caminho para o céu ( I Tm 2.5), e que foi o próprio Deus que o enviou à terra.

Faça uso da liberdade que tens em seu país - os brasileiros - e decida ser fiel a Cristo, pois o homem é como a erva, nasce pela manhã e a tarde já não é, e quando deixa de ser aqui existirá para sempre ali. Em que lugar? Você pode escolher enquanto vive.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"PAI-NOSSO - SLIDES PARA LIÇÃO 06, DE JOVENS, CPAD, 2º TRIMESTRE DE 2017

Lição 06 Jovens - "Pai-Nosso" - 2º Trimestre de 2017/ Lições Bíblicas CPAD de João Paulo Silva Mendes Lição 06 Jovens...